título

Reitora da Uni-CV elogia cooperação com Camões – Instituto e perspetiva projetos com “futuros ambiciosos”

A reitora da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) elogiou a parceria existente entre a instituição e o Camões Instituto da Cooperação e da Língua, perspectivando um 'desenvolvimento ambicioso' de projetos de língua portuguesa.

Judite Nascimento fez essa afirmação quando falava no ato da comemoração do vigésimo aniversário da criação do Camões – Centro de Língua Portuguesa, na Uni-CV, que teve lugar no auditório da Escola de Negócios e Governação, Campus do Palmarejo, e que se enquadra na celebração dos quarenta anos de Ensino Superior em Cabo Verde.

 

A reitora da Uni-CV que considerou o dia de “importante”, viajou no passado para rever a história e lembrar os primeiros passos para a instalação do centro, sem, contudo, esquecer os colegas que estiveram a frente do Centro Camões Instituto, no Instituto Superior de Educação (ISE).

 

“Sinto-me orgulhosa de constatar tudo que fomos construindo ao longo dos anos. E a promoção da língua portuguesa foi um contributo imensurável para a gestão e desenvolvimento dos cursos da língua portuguesa na nossa universidade”, afirmou.

 

Feito isso, Judite Nascimento, disse continuar a contar com o apoio da embaixada de Portugal e do Camões – Instituto para a implementação de uma “política clara” de línguas na Uni-CV.

 

Já o presidente do Instituto Camões, Luís Faro Ramos, que manifestou o interesse da instituição em continuar a apoiar projetos de formação da língua portuguesa, informou, na sua comunicação, a decisão da UNESCO em instituir o 05 de maio como o Dia Mundial da Língua Portuguesa.

 

“É, pois, nesta dinâmica e força da língua portuguesa que inscrevemos a forte cooperação de Portugal e Camões – Instituto com Cabo Verde em matéria de ensino e promoção a língua portuguesa, assim como entre a universidade e o instituto através de Centro da Língua Portuguesa”, acrescentou.

 

Luís Faro Ramos garante aguardar, com confiança, o renovar da cooperação nos próximos 20 anos, visto tratar-se de algo que “confirmará um futuro de relevo” para as instituições e para o centro, que considera ser uma das âncoras da relação entre as partes.

 

O programa comemorativo será inaugurado pela reitora da Uni-CV, Judite Nascimento, e pelo presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, embaixador Luís Faro Ramos.

 

Após a cerimónia de abertura das comemorações do vigésimo aniversário da criação do Camões – Centro de Língua Portuguesa na Uni-Cv, os presentes tiveram a oportunidade de analisar os temas “Cooperação e Desenvolvimento – Quarenta anos de Ensino Superior em Cabo Verde” e “Centro de Língua Portuguesa – Vinte anos em retrospetiva”, apresentados por Judite Nascimento e Luís Faro Ramos.

 

Constou, ainda, do programa da comemoração a inauguração da exposição “Programa de aprendizagem de português em contextos multilíngues e multiculturais” a apresentação do “Sapatinho”, uma série ilustrada por Alberto Fortes, e a estreia do documentário “Nós e a Língua Portuguesa”, realizado por César Schofield Cardoso.

 

O Camões – Centro de Língua Portuguesa, na Cidade da Praia, foi criado em 1999, ao abrigo de um protocolo de cooperação firmado entre o antigo Instituto Superior de Educação (ISE) e o Instituto Camões.

 

SAPO/Inforpress

Partilhe: Facebook Twitter